Como é voar na Classe Econômica do 787 da American Airlines

Hoje conto para você como é voar na Classe Econômica do 787 da American Airlines na rota Tóquio – Chicago. Confira!

Voo AA 154: Tóquio/Narita (NRT) – Chicago O’Hare (ORD)

9/10/2016

Classe Econômica

Assento 19A

1. Introdução

Depois de passar alguns dias no Japão, chegou a hora de embarcar no sexto voo da minha volta ao mundo. Seria o terceiro voo com mais de 10 horas de duração em menos de 15 dias e, por conta do fuso horário e dos compromissos em Tóquio e em Chicago, seria o dia mais longo da minha vida: mais de 33 horas entre acordar no Japão e dormir nos Estados Unidos.

2. O Boeing 787-8 da American Airlines

Esse trecho da viagem foi feito com milhas da American Airlines. Um dos principais motivos para escolher essa rota foi a aeronave: um 787-8. Um Boeing 787 seria a garantia de voar em uma aeronave nova e, além disso, eu poderia compará-la com o 787-9 da KLM.

A propósito, a aeronave na qual voei tinha 1 ano e 6 meses de uso.

2.1. Características do Boeing 787-8 da American Airlines

A configuração do Boeing 787-8 da American Airlines no qual voei (N805AN) era a seguinte:

  • 28 assentos na Classe Executiva com 152,4 cm (60 polegadas) entre eles e 53,34 cm (21 polegadas) de largura
  • 57 assentos na Main Cabin Extra com 91,44 cm (36 polegadas) entre eles e 43,18 cm (17 polegadas) de largura
  • 141 assentos na Classe Econômica com 79 cm (31 polegadas) entre eles e 43,18 cm (17 polegadas) de largura

Na foto abaixo, o mapa de assentos da Main Cabin Extra e da Classe Econômica (layout 3-3-3.):

Main Cabin Extra e Classe Econnômica - 787 da AA
Main Cabin Extra e Classe Econnômica – 787 da AA

Quando emiti a passagem, consegui reservar o assento 19A, localizado na saída de emergência, sem custo adicional. Apesar de ficar muito perto do banheiro, eu teria mais espaço para as pernas e poderia me levantar durante o voo sem incomodar os colegas de fileira.

3. Minha experiência na Classe Econômica do 787 American Airlines

787 da American Airlines sendo preparado para o voo
787 da American Airlines sendo preparado para o voo

3.1. A Classe Econômica do 787 da American Airlines

A primeira impressão ao entrar no Boeing 787 foi boa: a aeronave estava novinha!

A foto abaixo mostra os assentos 14A, 14B e 14C, primeira fileira da Classe Econômica.

Assentos da Classe Econômica do 787 da American Airlines
Assentos da Classe Econômica do 787 da American Airlines
Assentos da Classe Econômica do 787 da American Airlines
Assentos da Classe Econômica do 787 da American Airlines

As duas fotos abaixo mostram a primeira parte da cabine da Classe Econômica do 787 da American Airlines:

Classe Econômica do 787 da American Airlines
Classe Econômica do 787 da American Airlines
Classe Econômica do 787 da American Airlines
Classe Econômica do 787 da American Airlines

3.2. Comparando um assento padrão com meu assento na saída de emergência

Aproveitei que a aeronave ainda estava vazia para tirar fotos do meu assento na saída de emergência e de um assento padrão da Classe Econômica.

3.2.1. Espaço para as pernas

Primeiramente, comparei o espaço para as pernas.

O assento padrão tem pouquíssimo espaço para um passageiro com 1,87m de altura.

Espaço para as pernas: assento padrão da classe econômica do 787 da American Airlines
Espaço para as pernas: assento padrão da classe econômica do 787 da American Airlines

Já na saída de emergência, o espaço bem maior, mesmo no assento que fica “na janela” e tem a porta da saída de emergência à sua frente.

Espaço para as pernas: assento 19A - saída de emergência
Espaço para as pernas: assento 19A – saída de emergência
3.2.2. Tela do sistema de entretenimento

Outra diferença entre os dois assentos é a localização da tela do sistema de entretenimento.

No assento padrão, a tela fica embutida no encosto do assento da frente:

Tela do sistema de entretenimento: assento padrão da classe econômica do 787 da American Airlines
Tela do sistema de entretenimento: assento padrão da classe econômica do 787 da American Airlines

Na saída de emergência, a tela fica no braço do assento.

Tela do sistema de entretenimento: assento 19A - saída de emergência
Tela do sistema de entretenimento: assento 19A – saída de emergência

Observação importante: Os assentos da saída de emergência, são um pouco mais estreitos, pois tanto a mesinha quanto a tela do sistema de entretenimento ficam embutidas no braço do assento.

3.3. Demais características do assento na saída de emergência

A mesinha também fica embutida no braço do assento:

Mesinha do assento na saída de emergência
Mesinha do assento na saída de emergência

Uma desvantagem do assento  19A é o fato de ele não possuir janela.

Assento na saída de emergência: sem janela
Assento na saída de emergência: sem janela

Porém, quando coloquei o assento na reclinação máxima, pude olhar pela janela que aparece na foto acima.

Outra desvantagem do assento na saída de emergência é a proximidade dos banheiros.

Assento na saída de emergência: banheiros ao lado
Assento na saída de emergência: banheiros ao lado

Às vezes o odor pode não ser muito agradável e, em alguns momentos, a fila para ir ao banheiro fica bem na sua frente.

Assento na saída de emergência: banheiros ao lado
Assento na saída de emergência: banheiros ao lado

3.2. O sistema de entretenimento

O sistema de entretenimento é um ponto forte do Boeing 787 da American Airlines. A tela é touch screen, tem um tamanho razoável, imagem de boa qualidade e oferece:

  • Mais de 160 filmes incluindo cerca de 50 lançamentos
  • Mais de 290 programas de TV
  • Mais de 700 seleções de músicas
  • 20 jogos
Sistema de entretenimento - Boeing 787 da AA
Sistema de entretenimento – Boeing 787 da AA

Infelizmente, os fones de ouvido fornecidos pela American Airlines deixam muito a desejar.

Fones de ouvido fornecidos pela AA
Fones de ouvido fornecidos pela AA

Felizmente, sempre viajo acompanhado dos meus fones de ouvido noise-canceling!

Ah! A aeronave também contava com Wi-fi pago. Os valores eram os seguintes:

Wi-fi a bordo do 787 da AA
Wi-fi a bordo do 787 da AA

3.3. O serviço de bordo

O serviço de bordo começou quase uma hora após a decolagem com uma bebida e snacks.

Snack e bebida para começar
Snack e bebida para começar

Um pouco mais tarde foi servida a refeição principal. Escolhi peixe.

Refeição principal
Refeição principal

A apresentação era bem fraaquinha e o sabor apenas razoável.

Durante o voo, havia um local com snacks e bebidas à vontade.

Snacks disponíveis durante o voo
Snacks disponíveis durante o voo

Peguei a caixinha branca da foto acima que veio com sanduíches e um kitkat.

Snacks durante o voo
Snacks durante o voo

Pouco mais de uma hora antes do pouso, começaram o último serviço: panqueca com frutas (fico devendo a foto).

Logo depois, as comissárias recolheram o lixo e nos preparamos para o pouso em Chicago!

Classe Econômica do 787 da American Airlines
Classe Econômica do 787 da American Airlines

4. Conclusão

Posso dizer que a experiência de voar em uma aeronave nova da American Airlines ajudou a melhorar um pouco a imagem ruim que tive da companhia quando voei no velho e antiquado 757 entre Brasília e Miami e no 777 não reformado entre Miami e Paris, em dezembro de 2015. (Confira os posts nos links a seguir: Como é voar na Classe Executiva do Boeing 757 da American Airlines e Classe Executiva do Boeing 777 da American Airlines (Miami – Paris).

Por se tratar de um 787-8, a aeronave era menor que o Boeing 787-9 da KLM no qual fiz o trecho Rio de Janeiro – Amsterdã alguns dias antes, mais precisamente 6,31 metros mais curta. Isso reflete diretamente na capacidade da aeronave, a AA transporta 226 passageiros, contra os 294 da KLM (ambas contam com três classes de serviço).

O fato de ter 1 ano e 5 meses a mais de uso que a aeronave da KLM acaba sendo evidenciado por alguns componentes já danificados. A exemplo do compartimento para guardar o controle do sistema de entretenimento do meu assento:

Aeronave nova, mas já tem coisa estragada
Aeronave nova, mas já tem coisa estragada

Resumindo, os pontos fortes foram: aeronave nova e a qualidade e a variedade do sistema de entretenimento!

E, os pontos fracos foram: fones de ouvido e nível de ruído na cabine.

Minha nota para essa experiência com a American Airlines é 7/10!

Fique atento, cadastre seu e-mail na nossa newsletter e fique sempre atualizado!

P.S.: Essa viagem contou com o apoio da Global Travel Assistance (GTA), que me ofereceu a assistência viagem Euro Maxx!

Leia também nossos posts sobre as mais diversas companhias aéreas!

Air France

American Airlines

Austrian Airlines

British Airways

Delta Airlines

Easyjet

Garuda

KLM

Latam

Clique aqui e aproveite para conferir nossos posts sobre diversas Salas VIP pelo mundo!

Aproveite para curtir nossa página no Facebook e para nos seguir no Instagram.

Veja também minhas contribuições no tripadvisor e nosso canal no Youtube.

Post Author
Leonardo Sousa

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

@viajaromundo

Confira mais fotos em nosso Instagam

Siga o nosso Instagram