Batu caves: uma das mais famosas atrações de Kuala Lumpur

Quando pensamos em Kuala Lumpur, uma das primeiras atrações que vêm à mente são as Batu Caves.

Durante minha viagem para a Malásia, visitei as Batu Caves e conto tudo para você!

Data da visita: 28/9/2016

1. Localização e como chegar

Localizadas em Selangor, um dos 13 estados da Malásia, e a 15 km da estação KL Sentral, ao norte de Kuala Lumpur, as Batu Caves atraem milhares de turistas e fiéis todos os anos.

Localização Batu Caves - Google Maps
Localização Batu Caves – Google Maps

A forma mais prática de chegar às Batu Caves é de trem, no caso, o KTM Komuter. Saindo da KL Sentral são 8 paradas, a viagem dura aproximadamente 30 minutos e a passagem custa apenas 2,6 RM (cada trecho).

KTM Komuter - Batu Caves
KTM Komuter – Batu Caves

Obs.: Um problema de utilizar o KTM Komuter é a frequência dos trens. Como não planejei a visita com calma, não pesquisei os horários e acabei esperando mais de meia hora para pegar o trem de volta para a KL Sentral.

2. Batu Caves

As Batu caves são compostas de três principais cavernas com templos e santuários hindus. A estátua de Murugan, com quase 43 metros de altura, localizada ao lado da escadaria de 272 degraus, é uma das principais atrações do local.

Estátua gigante de um Deus Hindu
Estátua gigante de Murugan, um Deus Hindu

2.1. A escadaria

O acesso à caverna principal é gratuito, porém, como o local está em obras, o pessoal pede uma ajudinha: “no money, just help“. Ou seja, quando você chega ao pé da escadaria, uma das pessoas que está trabalhando na obra pede para que você suba carregando um balde de areia ou um tijolo. Eu carreguei um tijolo.

"Contemplando" a escadaria! Batu Caves
“Contemplando” a escadaria!

Subir os 272 degraus é um bom teste para o condicionamento físico de qualquer um! Mas, ao chegar ao topo, somos presenteados com uma vista da cidade de Kuala Lumpur.

Vista de Kuala Lumpur - Batu Caves
Vista de Kuala Lumpur

2.2. Os macaquinhos

Antes de falarmos da principal caverna das Batu Caves, fica um alerta: a área é repleta de macacos que ficam rondando os turistas, subindo e descendo as escadas e perambulando pelas cavernas. Eles são engraçadinhos e uma atração à parte que rende muitas fotos. Porém, é preciso ficar atento, pois eles estão à procura de comida! Eu presenciei o momento que um dos macaquinhos avançou sobre uma turista e furtou o saco plástico que ela estava carregando!

Macaquinhos nas Batu Caves
Macaquinhos nas Batu Caves
Macaquinhos nas Batu Caves
Macaquinhos nas Batu Caves

2.3. A caverna principal: Cathedral Cave ou Temple Cave

Depois de subir os 272 degraus, além da vista, você chegará à principal caverna, conhecida como Cathedral Cave ou Temple Cave. O teto dessa caverna é bem alto e ela é repleta de templo hindus ornamentados.

Temple Cave / Batu Caves
Temple Cave / Batu Caves
Temple Cave / Batu Caves
Temple Cave / Batu Caves
Temple Cave / Batu Caves
Temple Cave / Batu Caves

2.4. Dark Cave

Descendo alguns degraus da escadaria, você encontra a Dark Cave.

Dark Cave / Batu Caves
Dark Cave / Batu Caves

O acesso à Dark Cave é pago (35 RM) e inclui um passeio guiado educativo de aproximadamente meia hora. No passeio, que é feito apenas com uma lâmpada de cabeça, o visitante explora a escura caverna, de mais de 100 milhões de anos, que possui um ecossistema próprio com morcegos, baratas, aranhas, grilos, cobras e outros seres rastejantes.

Infelizmente, como meu tempo era curto, não pude fazer o passeio pela Dark Cave.

3. Conclusão

Infelizmente, não gostei muito das Batu Caves. Minha expectativa era muito grande e acabei me decepcionando.

O fato do local estar em obras pode ter influenciado nesse meu sentimento. Mas, como Kuala Lumpur não é uma cidade com tantas atrações assim, caso você passe vários dias na cidade, vale à pena conhecer as Batu Caves. Se a sua passagem pela capital da Malásia for rápida, acredito que seja melhor visitar as atrações mais próximas do centro da cidade.

E aí? O que você achou das Batu Caves?

Deixe seu comentário, sugestão ou dúvida!

P.S.: Essa viagem contou com o apoio da Global Travel Assistance (GTA), que me ofereceu a assistência viagem Euro Maxx!

Clique aqui e aproveite para conferir nossas avaliações de hotéis pelo mundo!

Aproveite para curtir nossa página no Facebook e para nos seguir no Instagram.

Veja também minhas contribuições no tripadvisor e nosso canal no Youtube.


Booking.com

Post Author
Leonardo Sousa

Deixe um Comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

@viajaromundo

Confira mais fotos em nosso Instagam

Siga o nosso Instagram